CASA NOVA:

https://www.facebook.com/pages/É-Sagrado-viver

25 de março de 2011


O esquecimento, freqüentemente, é uma graça. Muito mais difícil que lembrar é esquecer! Fala-se de “boa memória”. Não se fala de “bom esquecimento”, como se esquecimento fosse apenas memória fraca. Não é não.
Esquecimento é perdão, o alisamento do passado, igual ao que as ondas do mar fazem com a areia da praia durante a noite.


(Rubem Alves)

6 comentários:

  1. Sandra,

    Que delicado isso... Simplesmente divino!!!

    Rubens Alves e sua simplicidade.

    Que bom passar aqui cedinho e começar o dia abençoada de tanta luz,


    Querida, muita luz pra Vc,

    Bjão

    ResponderExcluir
  2. Incrível e sem mais palavras...
    Lindo esse poema do Rubem Alves... incrível a definição que ele dá para esquecimento...
    Amei! Obrigada pela oportunidade de ler tão lindas e sábias palavras!!!

    Bjs e bom final de semana!!!

    ResponderExcluir
  3. Verdade, né? Lembrar é mais natural do que esquecer porque, muitas vezes, esquecer requer um esforço enorme e...em vão.

    =**

    ResponderExcluir
  4. Que riqueza Rubem Alves... e perdão é nobre demais para ser esquecido.

    ResponderExcluir
  5. Sam o gostar de alguém que nunca vimos ....é realmente algo de DEUS pois ele nos deixou o dom de escrever e descrever os sentimentos, e com apenas as palavras escritas, nosso coração ...se embreaga com versos e prosas....Parabéns o seu blog é perfeito...adoro quando posso estar aqui bjs!

    ResponderExcluir

"Se tu vens, por exemplo, às quatro da tarde, desde as três eu começarei a ser feliz."

(Exupéry)