CASA NOVA:

https://www.facebook.com/pages/É-Sagrado-viver

18 de agosto de 2011

"Se olharmos as coisas de perto, na melhor das hipóteses chegaremos à conclusão de que as palavras tentam dizer o que penssamos ou sentimos, mas há motivos para suspeitar que, por muito que procurem, não chegarão nunca a enunciar essa coisa estranha, rara e misteriosa que é um sentimento."

(José Saramago)
"(...) Dor, susto, drama e tragédia, a gente nasce sabendo.
Saber ser feliz exige décadas para entender e, ao mesmo tempo, pede tão pouco.
Muitas vezes, se vive somente para relatar o quanto nossa vida é impressionante, mas lá no fundo persiste uma mágoa desconfiada de não vivermos o que realmente desejamos.
O que desejamos não se diz, se arde!"
(Fabrício Carpinejar)

30 comentários:

  1. Lindas frases, como tudo que tu posta sempre Sam.

    E sentimento é isso, agente tenta traduzir mas não dá. Por mais que as palavras tentem elas são incapazes de dizer o que realmente acontece dentro da gente.

    Eu por exemplo, gosto tanto de vcs - de ti, da Cris, da Sil - que por mais q eu diga vcs nunca vã entender a dimensão disso.

    Vi teu recado pra mana Cris sobre o cansaço daqui. Só tenho a te dizer que tb canso viu! E de qq forma, suma do face não tá. Tenho sentido baita falta de ti.

    Beijo grande!
    LoveYou!

    ResponderExcluir
  2. Faz ferida na alma...

    Que lindo o pensamento do J. saramango!

    E, ás vezes o sentimento é tão forte, tão maduro...
    que a gente num sabe nem o que sente.

    Tenha um fim de semana brilhante, Sam!

    um beijão.

    ResponderExcluir
  3. Sam querida, por mais que tentamos e retentamos dizer o que passa em nosso íntimo isso é uma missão impossível, pois palavra alguma chega aos pés de qualquer sentimento, seja ele qual for. Sentir é mais forte que tudo!!!!!
    :)

    bjokitas com mega carinho lindeza.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Sam. Belas escolhas. Eu queria me ater ao fragmento do Carpinejar: acho que nascemos e vivemos no sofrimento espiritual. Essa busca incessante pela felicidade é sintomática e ao mesmo tempo é o que justifica o nosso apego pela vida. Isso é muito edificante. Adorei tudo. Meu abraço e ótimo fim de semana.

    ResponderExcluir
  5. Lindo trecho escolhido! um lindo fds,beijos,chica

    ResponderExcluir
  6. E muitas vezes a gente tem o que precisa, nao o que a gente quer né Sammzita?
    Bom final de semana.

    Ah como dói coisas do coração =/
    beijosmil ;*

    ;)

    ResponderExcluir
  7. Sam, bom dia!
    Gostei muito do Post, pois me deu oportunidade de argumentar...
    Concordo com tudo que foi dito pelo Carpinejer.
    Apenas ouso discordar num pequeno detalhe:
    "O que desejamos,... se arde!"
    Penso que se falarmos ou escrevermos, a ardência fica mais amena.

    Abração procê e desculpe a ousadia;-)

    JAN

    ResponderExcluir
  8. oi Sam,

    passamos por tantas coisas
    na vida,
    mas o mais importante é
    o que trazemos dentro
    de nós,
    na alma e no coração...
    o que desejamos pode se
    tornar realidade!!!

    beijinhos
    querida

    ResponderExcluir
  9. A selecção dos textos diz muito da tua sensibilidade, das águas por onde navegas. E gosto desse navegar.

    Beijo :)

    ResponderExcluir
  10. Carpinejar e Saramago juntos? Menina que coisa!
    Realmente, as palavras por mais profundas que sejam não conseguem expressar os sentimentos da gente na sua plenitude. Ser feliz exige muito mais que querer, pois além de opção de vida e uma ciência profunda.
    Além do que, a nossa felicidade, mesmo sem querermos está vinculada a felicidade dos outros, pois se assim não fosse, seríamos egoístas, e egoísmo nao traz felicidade.
    Beijokas doces Sam.zinha querida.

    ResponderExcluir
  11. Sam,

    Arde, lateja, causa suador e calafrio,

    O que sinto, provoca tanta coisa, que se explicasse, não estaria sentindo, verdadeiramente,


    E por isso, não consigo explicar o bem que me faz, vir aqui,


    Menina Doce, que seu final de semana seja de paz,


    Um beijo enorme!

    ResponderExcluir
  12. Sam..que coisa linda de post..Saramago me encamnta..beijo querida boa noite.

    ResponderExcluir
  13. Fabuloso!! Adoro esse cara Sandra....beijosss loira!

    ResponderExcluir
  14. Sam... Seus posts são bárbaros... E Saramago...Bahhh.. ele é perfeito!

    Bjs querida e um ótimo findi *__*

    ResponderExcluir
  15. Olá Sam...

    Como é bom retornar por aqui e sentir todo esse ar puro e esses seus retalhinhos maravilhosos de sabedoria....seu Blog dá uma tremenda paz de espírito, garota. Parabéns e muito obrigado por isso...fica sempre com Deus....

    Super Beijo

    ResponderExcluir
  16. Minha querida

    Estes dois textos, são o chorar da tua alma a interpretação desse sentir.

    deixo um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  17. Sam querida,
    Que post mais lindo! Você some, mas quando aparece nos traz maravilhas.
    Creio que nunca conseguiremos expressar literalmente tudo o que nos vai na alma. Há sempre algo que não foi dito ou mostrado. Os poetas até que tentam, mas sob o véu da interpretação.
    Quanto à felicidade, passamos a vida a buscá-la,
    mas somente conseguimos vivê-la através de momentos.
    Eu, particularmente, tenho certeza de que não vivo tudo o que desejo (e arde... como arde).
    Tenha um lindo final de semana.
    Beijokas doces.

    ResponderExcluir
  18. Adorei o pensamento escolhido do J. saramango!
    Bom fim de semana.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  19. Palavras, em alguns momentos, são buscadas e não achadas, ficam perdidas entre a alma e a garganta, tonteadas no fremir do ardor que tomou conta do espaço onde elas deveriam acontecer.
    Assim dá-se essa coisa estranha e sentimental, nosso desejo inconfessável.
    Dois laureados"palavristas" cobertos da razão escrita.
    Adorei, linda Sam!
    Bom domingo,
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  21. magnífiico *-*
    http://sacudindoocoracao.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  22. Os sentimentos... sentem-se!
    São difíceis de descrever e de entender (os dos outros...)!

    ResponderExcluir
  23. Lindo lindo este texto! Adoro ler coisas assim!

    Um beijo e uma santa noite.

    ResponderExcluir
  24. Que saudades daqui Sam. Saudades de ler-te em cada postagem!
    Espero que estejas bem e fique bem.

    Beijos amada. Tenha um ótimo dia. *-*

    http://amar-go.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  25. Bom dia, passando para divulgar meu novo blog, minha segunda morada, rss

    http://ensinameasentirteucoracao.blogspot.com

    um cantinho diferente do Palavras ao Vento, mais feito com o mesmo carinho

    te espero lá também.
    Beijoss!! linda e abençoada quarta feira!!

    ResponderExcluir
  26. Superbe blog qui mérite d'être soutenu.
    Amicalement.

    Roger

    ResponderExcluir

"Se tu vens, por exemplo, às quatro da tarde, desde as três eu começarei a ser feliz."

(Exupéry)